Dudu Camargo é vítima de preconceito etário pelo Estadão

O jovem apresentador Dudu Camargo (Eduardo Camargo) jornal Primeiro Impacto, do SBT, foi vítima de preconceito etário por parte do jornal Estadão.

O Estadão fez uma péssima matéria com o título sensacionalista “Apresentador do SBT está ‘de olho’ em Maisa Silva e Larissa Manoela“.

Dudu Camargo não disse que estava “de olho” nessas duas mulheres, mas sim que acha Maísa Silva linda e talentosa e que ela e a Larissa Manoela fazem o seu tipo. Apenas isso! Entrevista dada ao programa TV Fama, da RedeTV.

Quem colocou as colegas de SBT do rapaz numa posição desconfortável foi o próprio Estadão ao forçar uma polêmica. Quem escreveu a matéria está com inveja de um rapaz de apenas 18 anos por estar apresentando um jornal? O SBT é do Silvio Santos e ele coloca quem ele quiser para apresentar os seus jornais.

Maísa não é nenhuma moça adolescente de 10 anos entrando na puberdade, muito menos uma criança de 6, quando chegou ao SBT. Ela é uma jovem mulher de 14 anos e, graças a Deus, por lei, ela pode fazer sexo, e muito sexo, até com o Silvio Santos! O problema é sexo, moralistas do Estadão? Vocês exploram o moralismo e o preconceito etário para prejudicar uma pessoa, um rapaz de 18 anos. Isso sim é muito antiético!

É totalmente saudável e esperado que homens se sintam atraídos por mulheres de 14 anos. A mulher entra na puberdade por volta dos 9 anos de idade, início da sua adolescência. A menarca vem, em média, aos 12 anos. Aos 12 anos a mulher está ovulando. Isso quer dizer que o seu corpo passa se preparar todo mês para uma gravidez. E para que uma gravidez possa ser possível, é preciso que a mulher atraia homens, tenham eles 12 anos ou 85 anos, como o grande Silvio Santos.

É óbvio que não é porque a mulher esteja na idade de gerar a prole, que ela vá logo fazer sexo. Isso depende de cada mulher. Umas já querem logo se deleitar no ato sexual, enquanto outras buscam adiar esse dia, como a Larissa Manoela, que disse querer casar virgem.

O Estadão ainda afirma que o rapaz gerou uma discursão ética. Como assim? Por dizer que certas mulheres fazem o seu tipo? Quem não teve ética foi o jornal Estadão por forçar polêmica por meio do preconceito etário e do moralismo para prejudicar um jovem iniciante apresentador de telejornal.

Infelizmente, o preconceito etário não é devidamente observado como o racismo. Programas e jornais abusam do preconceito etário nas suas abordagens sensacionalistas.

Dudu Camargo é um rapaz de 18 anos que ficou conhecido por assumir a apresentação do telejornal Primeiro Impacto, do SBT, em outubro. O moço é a pessoa mais jovem a apresentar um telejornal. E isso deixou muita gente incomodada! Preconceituosos que o acham jovem demais e invejosos que queriam estar no lugar dele.

É lamentável que pessoas de má índole se utilizem de um jornal de grande circulação, como o Estadão, para ficar forçando polêmicas para prejudicar o rapaz.

No Brasil, o etarismo ou preconceito inter-etário é vedado pela Constituição Federal de 1988: art. 3°, IV.

Fonte:http://vida-estilo.estadao.com.br/blogs/emenos/apresentador-do-sbt-esta-de-olho-em-maisa-silva-e-larissa-manoela/