Jô Soares pedófilo?

Jô Soares (José Eugênio Soares) ou simplesmente humorista, escritor, diretor teatral, músico, dramaturgo, ator, pintor brasileiro e apresentador de televisão. Ele apresenta desde 2000 o Programa do Jô na Rede Globo de Televisão.

Em seu programa, Programa do Jô, exibido numa noite de quinta-feira (26/11/2015), Jô Soares entrevistou a atriz Bruna Lombardi (Bruna Patrizia Maria Teresa Romilda Lombardi, atriz, modelo e escritora brasileira)., de 63 anos. No decorrer da conversa, o apresentador relembrou a época quando conheceu Bruna, na época uma menina de 9 anos de idade: “Ela com o pai dela, o (cineasta Ugo) Lombardi, ela sentava no meu colo, com nove anos. Cabelo louro, que ia até a cintura, a mãe dela vestia ela como uma bonequinha”, disse Jô. “Eu olhava para ela com nove aninhos… E tinha sonhos eróticos”, contou. E respondeu a atriz: “Não fala isso, Jô”. E rebateu o apresentador: “Mas no sonho você já tinha 19”.

Jô Soares e Bruna Lombardi

Entrevista de Bruna Lombardi no Programa do Jô

Por essa mera citação, Jô Soares foi chamado de pedófilo por seus odiadores, seja de esquerda ou de direita.
Infelizmente, o termo pedofilia é usado como insulto, para ofender, injuriar, uma pessoa associando-a a alguém faz sexo com crianças ou abusa sexualmente delas, assim como a palavra gay é usada para ofender o homem associando a um homem que se interessa sexualmente por outros homens. A esquerda que se diz defensora de minorias como negros, homossexuais e mulheres, usa com naturalidade a palavra pedofilia para ofender. Será que essa mesma esquerda de hoje não seria a mesma a perseguir homossexuais e negros no passado? É muito fácil bater em quem é marginalizado pela elite e pelas leis.

Jô ter achado Bruna sexualmente atraente aos 9 anos não significa que ele seja pedófilo. Porque pedofilia é a atração sexual primária, ou orientação sexual primária, por quem não atingiu a puberdade (geralmente, garotas com menos de 9 anos de idade) .

Nem o programa Sensacionalista CQC (Custe o Que Custar), exibido pela Band (Rede Bandeirantes), que vive inventando pedofilia onde não tem, para mendigar por audiência mesmo atropelando a lei, chamou Jô Soares de pedófilo. Pelo contrário, seus apresentadores se divertiram com a situação. Para não serem processados? Talvez. Para não desagradarem ao Jô? Provavelmente. Jô Soares não é nenhum cara comum, “zè ninguém”, para ser desrespeitado pelo CQC, que se aproveita da ignorância, do moralismo, do preconceito e da histeria. Apesar de se dizer a favor dos direitos humanos e das minorias, é um programa que gosta de desonestamente explorar temas, e certamente perseguiria negros e homossexuais se fosse feito há um século atrás.

‘Tá grávida, já?’, pergunta Silvio Santos para Maísa

Silvio Santos, nome artístico de Senor Abravanel, perguntou se a atriz de treze anos, Maísa Silva, estava grávida na gravação do “Programa Silvio Santos” (SBT), que vai ao ar hoje (15/11/2015).

Surpreso com a nova aparência da garota, que praticamente cresceu dentro do SBT, Silvio disparou: “Mas ela está uma mulher. Tá grávida, já? Mas está um mulherão. Já casou? Não? Maísa, quem te viu e quem te vê”, soltou ele.

‘Você está grávida?’, pergunta Silvio Santos para Maísa

“Mas ela está uma mulher. Tá grávida já? Mas está um mulherão. Já casou? Não? Maísa, quem te viu e quem te vê”, soltou ele.

As mulheres entram na puberdade por volta dos nove anos de idade, onde a menina torná-se mulher. É quando ocorre o estirão da adolescência ou estirão da puberdade. A mulher têm o seu crescimento acelerado até à época da menarca, primeira menstruação.

O apresentador ainda zoou (brincou) com o cabelo de Maísa, que trocou os cachinhos por um visual liso: “Você está diferente, Maisa! Aqueles cachinhos eram cachinhos bonitinhos, agora você tem o cabelo corrido, parece a Maria Madalena”, alfinetou Silvio.”Meu Deus, Silvio. Mas eu estava com saudades de você, viu?”, respondeu Maísa no programa.

Sobre a novela Carrossel, Silvio afirma: “Poxa, mas agora já estamos em 2015, vocês deveriam estar moças feitas, ainda estão crianças